Agende V. Mariana   Agende Pinheiros  
Artrose tem cura?
artrose

A artrose, também conhecida como osteoartrite, é caracterizada pelo desgaste da cartilagem que recobre as extremidades dos ossos. A doença pode danificar outros componentes articulares como os ligamentos, a membrana sinovial e o líquido sinovial. Infelizmente, a artrose não tem cura, mas pode ser retardada com tratamentos.

As nossas cartilagens têm como função promover o deslizamento, sem atrito, entre duas extremidades ósseas durante o movimento de articulação. Com o desgaste e o atrito entre os ossos, o paciente sente dores e até mesmo algumas limitações. O desgaste da cartilagem articular acontece porque os condrócitos, células formadoras do tecido cartilaginoso, não se regeneram. Assim, uma vez destruídos, não há peças sobressalentes para reparar a cartilagem. 

A artrose pode acometer qualquer junta do corpo, mas, normalmente, afeta mãos, coluna, joelhos e quadris.

Causas da artrose

A artrose pode ser primária ou secundária. No primeiro caso ela é resultado do uso excessivo de uma articulação ou do envelhecimento natural. Consideramos excessivo quando o uso repetitivo é feito ao longo dos anos, provocando o atrito direto entre os ossos, causando dor e limitação da mobilidade articular. Alguns estudos sugerem que a artrose primária pode ser genética.

A artrose secundária é causada por outras doenças ou condições do paciente como obesidade, trauma repetido ou cirurgia das estruturas articulares, articulações anormais no nascimento (anomalias congênitas), gota, artrite reumatoide, diabetes e outros distúrbios hormonais.

Além das causas citadas acima, alguns fatores de risco também podem contribuir para o surgimento da artrose como: sexo (mulheres são mais propensas a desenvolver o problema); lesões nas articulações; deformidades ósseas; certas profissões.

Tratamentos para a artrose

O diagnóstico da artrose é feito por meio de exames físicos e laboratoriais. O médico avaliará a articulação afetada, verificando sensibilidade, inchaço, vermelhidão e amplitude de movimento da articulação. Se necessário, o médico poderá solicitar um raio-x ou ressonância magnética.

Como dissemos no início do texto, infelizmente a artrose não tem cura, mas pode ser aliviada com tratamentos, que variam de acordo com o local afetado. Normalmente são indicados o uso de medicamentos e fisioterapia.

Os medicamentos aliviam a dor, diminuem o inchaço e até mesmo melhoram a inflamação. Em alguns casos, o médico poderá indicar infiltrações, com injeções de cortisona ou ácido hialurônico.

A fisioterapia é recomendada para fortalecer a musculatura e diminuir a dor. A indicação é que seja feita preferencialmente todos os dias, com o emprego de recursos como aparelhos para diminuir a dor e melhorar a funcionamento da articulação.

Nos casos mais sérios, a indicação é a cirurgia para colocação de uma prótese, que irá substituir a articulação afetada. Devido às cicatrizes e possíveis aderências que podem surgir, o paciente terá que permanecer fazendo fisioterapia por mais alguns meses após a cirurgia.

Quer saber mais? Estamos à disposição para solucionar qualquer dúvida que você possa ter, e ficaremos muito felizes em responder aos seus comentários sobre este assunto. Leia outros artigos e conheça mais sobre a Osteopatia SP.