Crossfit osteopatia

Benefícios da Osteopatia para os atletas de Crossfit

O crossfit é uma das atividades físicas que mais cresceram em número de adeptos nos últimos anos no Brasil. Nesse mesmo ritmo, cada vez mais os praticantes dessa modalidade têm encontrado na osteopatia uma forma de melhorar a sua performance.

Você sabe o que é osteopatia? Conhece os benefícios que ela traz para a prática esportiva? Então, leia esse artigo para saber tudo sobre o assunto.

O que é a osteopatia?

A osteopatia é uma terapia manual que busca restabelecer o equilíbrio do corpo do indivíduo, tratando lesões existentes e evitando o aparecimento de novas. Esse objetivo é alcançado através do toque do osteopata sobre os diversos tecidos do corpo humano.

Esse método foi criado em 1874  pelo médico americano Dr. Andrew Taylor Still e, atualmente, é reconhecido pela Organização Mundial da Saúde (OMS) e aplicado em toda a Europa, Austrália, Canadá e Brasil.

Ao realizar essa abordagem terapêutica em um paciente, esse profissional privilegia encontrar a origem da dor e não a sua localização. Os pilares da osteopatia são entender o corpo como um todo indivisível e promover a autocura.

Para quem é indicada?

Por ser um método que atua em todo o corpo, é indicada para tratar diversos tipos de patologias e disfunções. Geralmente, os osteopatas atendem pessoas que buscam tratamento para dores, disfunções viscerais e que querem melhorar a qualidade de vida.

Além disso, essa técnica de terapia manual é muito procurada por atletas de diferentes modalidades, inclusive de crossfit. A razão para tal está nos vários benefícios que ela oferece à performance e ao condicionamento físico deles.

A osteopatia pode ser realizada em pessoas de todas as idades, desde recém-nascidos a idosos, de qualquer condição física e de todos os gêneros. 

Como atletas de crossfit são beneficiados por essa terapia?

Talvez a principal justificativa para o sucesso da osteopatia entre atletas de crossfit esteja na capacidade restauradora que ela tem. Por meio das técnicas manuais, é possível tratar as lesões e as dores musculares e evitar que elas reapareçam.

Como é um tratamento não invasivo, ou seja, sem a necessidade de intervenções cirúrgicas, promove a recuperação do atleta de forma natural, trazendo melhor qualidade de vida e da prática esportiva.

A osteopatia também busca melhorar a mecânica do indivíduo durante a atividade física, principalmente daqueles que participam de competições de alto rendimento. 

Ela é indicada para tratar problemas que acometem com frequência os atletas, tais como: bursite, tendinite, entorse e dores no sistema musculoesquelético.

Essa ação é possível por meio da manipulação articular das vértebras cervicais, liberação muscular da região da escápula e ombro e melhora na execução do gesto esportivo. Outro benefício da terapia é a atuação na reabilitação do atleta.

Por essas razões, a osteopatia é recomendada para praticantes de crossfit, sejam eles amadores ou profissionais. Essa técnica de terapia manual garante o equilíbrio biomecânico e uma maior proteção contra lesões.

Quer saber mais? Estamos à disposição para solucionar qualquer dúvida que você possa ter, e ficaremos muito felizes em responder aos seus comentários sobre este assunto. Leia outros artigos e conheça mais sobre a Osteopatia SP.

Comentários

O que deseja encontrar?

Compartilhe

Share on facebook
Share on linkedin
Share on google
Share on twitter
Share on email
Share on whatsapp