Agende V. Mariana   Agende Pinheiros  
Como emagrecer no pós-parto

Na verdade, estruturar um programa para emagrecer no pós-parto não é um exercício muito diferente de fazer um programa para qualquer pessoa. Afinal de contas, os fatores que levam ao aumento ou à perda de peso são os mesmos em todos os seres humanos.

Se você tinha hábitos de pessoa magra antes do parto, basta voltar gradativamente à rotina de alimentação e exercícios físicos que o resultado virá, mas não de forma acelerada, afinal de contas, você passou nove meses ganhando peso, sendo natural que a volta ao estado antigo demore.

O que se deve dar atenção especial é à flacidez da barriga, que tende a acontecer, devido ao efeito sanfona provocado pelo fim da gestação. Se não quiser fazer uma cirurgia plástica, o ideal é conversar com o médico, verificar se há limitações para a atividade física e ir para a academia para fazer uma série que coloque esse aspecto como prioridade.

Certamente, você ganhará de presente uma programação de treinos com muitos exercícios para o abdômen.

Deixando um pouco a flacidez de lado, a mulher, no pós-parto, tem um aliado formidável na luta para voltar ao peso ideal. Trata-se da amamentação. A gente pensa que é bom só para o bebê, mas alimentar a criança por seis meses como forma exclusiva de alimentação levará seu corpo a queimar uma média de 450 calorias só na produção do leite. Em função disso, a perda de peso pode ser de até 2 kg por mês. Então é bom que o novo membro da família esteja com fome.

Sem contar, claro, que a mulher perde, em média, 6 kg logo após o parto.

Alimentação adequada para emagrecer

Se você tinha uma alimentação que produzia um resultado satisfatório antes da gravidez, restabeleça-a, assim como a rotina de exercícios. Seu peso vai voltar naturalmente para o lugar, embora isso não vá acontecer de uma hora para a outra.

Se não tinha rotina de exercícios físicos, é hora de começar, porque o corpo precisa e gosta disso, assim como de uma dieta balanceada. Caso você não tenha a menor noção do que seja isso, uma boa dica é procurar um nutricionista.

Algumas dessas dicas, no entanto, podem ser seguidas por qualquer um que deseja emagrecer. Elimine alimentos que entregam ao seu organismo excesso de carboidratos, açúcares e gordura. Evite os alimentos industrializados e abuse da alimentação natural. Crie uma rotina para as refeições e controle o peso na balança para saber se a conduta está produzindo efeito ou se é preciso ajustar a alimentação.

 

Quer saber mais? Estamos à disposição para solucionar qualquer dúvida que você possa ter, e ficaremos felizes em responder aos seus comentários sobre este assunto. Conheça melhor a clínica Osteopatia SP lendo mais artigos no nosso blog!