Agende V. Mariana   Agende Pinheiros  
Como a microfisioterapia atua na perda de peso

Primeiramente, entenderemos o que é a microfisioterapia, para que possamos, então, fazer a associação entre essa técnica terapêutica e a perda de peso.

A microfisioterapia é uma técnica que vem sendo utilizada há pouco mais de uma década e tem como característica básica a utilização das mãos para identificar pontos críticos do corpo, responsáveis por desencadear processos patológicos, sejam eles orgânicos, estruturais ou emocionais.

O principal paradigma dessa técnica terapêutica é a visão sistêmica do paciente. Segundo os especialistas, a microfisioterapia não trata doenças, e sim pessoas. Todo o processo de diagnóstico consiste em buscar a origem dos sintomas, o ponto-chave.

A partir desse diagnóstico o profissional utiliza as mãos para estimular os órgãos e os tecidos afetados, deflagrando um processo de recuperação sistêmica, partindo do princípio de que a boa saúde é consequência da harmonia decorrente do funcionamento perfeito de todos os diversos sistemas envolvidos no corpo humano.

Microfisioterapia e perda de peso

A microfisioterapia está longe de ser uma concepção extravagante da medicina e dissociada dos avanços científicos no estudo e compreensão do corpo humano e das patologias.

A medicina, de um modo geral, vem ampliando a visão do tratamento das mais diversas patologias, adotando a abordagem transdisciplinar. É o que acontece, inclusive, no tratamento da obesidade.

Visão esta que se aproxima da microfisioterapia, se considerarmos que o tratamento da obesidade nos dias atuais envolve a participação da psiquiatria, nutrição, endocrinologia e educação física.

Essa abordagem corrobora a visão de que o comportamento do corpo é condicionado e, ao mesmo tempo, condiciona vários fatores. As técnicas de microfisioterapia podem atuar deflagrando processos importantes, a partir do diagnóstico e do estímulo de uma reação orgânica e emocional.

Em grande parte, o sucesso de um tratamento é obtido a partir da mobilização e canalização das forças do paciente, ou seja, a perda de peso será decorrente de um processo orgânico e emocional.

Para tanto, será necessário que o corpo dê respostas a algumas perguntas:

  • Como comer menos?
  • Como encontrar motivação para adotar uma rotina de exercícios?

As respostas só serão obtidas de forma sistêmica, ou seja, a partir da identificação de como cada sistema será mobilizado para que o resultado seja alcançado. Com a aplicação das técnicas da microfisioterapia, espera-se que o paciente se torne capaz de eliminar fatores como ansiedade e consiga estimular a satisfação pessoal e a autoestima.

Podemos dizer, portanto, que a microfisioterapia deve funcionar como uma linha auxiliar de tratamento para a perda de peso, não substituindo, mas contribuindo com o tratamento nutricional, psiquiátrico, endocrinológico e, se for o caso, do aparelho digestivo.

Quer saber mais? Estamos à disposição para solucionar qualquer dúvida que você possa ter, e ficaremos felizes em responder aos seus comentários sobre este assunto. Conheça melhor a clínica Osteopatia SP lendo mais artigos no nosso blog!