Agende V. Mariana   Agende Pinheiros  
Como o pilates atua no tratamento da tendinite

O método pilates foi desenvolvido pelo alemão Joseph H. Pilates na década de 20. Em determinado momento, Joseph percebeu que os problemas de saúde estavam associados ao estilo de vida moderno, à má postura e respiração ineficiente da população.

A base do pilates está na melhora da postura global do indivíduo, através de fortalecimento e alongamento dos músculos por meio de exercícios e equipamentos próprios.

A prática deste método assegura diversos benefícios ao seu praticante, desde eliminação do estresse, melhora da coordenação motora, até o combate aos sintomas da tendinite, escoliose, doenças cardiovasculares, entre outros.

Afinal, o que é tendinite?

A tendinite é uma doença causada pelo excesso de movimentos repetitivos das articulações. Uma patologia muito comum atualmente, pois sua causa de maior incidência é a contínua digitação pelo uso de computadores, smartphones, tablets, etc.

Esta doença atinge principalmente os pulsos, tornozelos, cotovelos, joelhos, pés e ombros. O esforço muito intenso ou constante de uma destas regiões pode acarretar em lesão no tendão, promovendo sua inflamação. Entre os tipos existentes estão a do manguito rotador, a estenosante, as tenossinovites, a calcária e a tuberculosa.

Outras causas associadas são: o excesso de exercícios físicos, a má postura, as infecções e diabetes. O paciente desta patologia geralmente apresenta dificuldade de locomoção, dor local, inchaço, formigamento e vermelhidão.

Pilates como alternativa de tratamento

O pilates atua na prevenção ou diretamente nas causas da doença. O tratamento consistirá na análise do padrão físico, postural e da região afetada, para posteriormente iniciar o fortalecimento e alongamento muscular das áreas inflamadas.

Este método desenvolveu exercícios suaves e holísticos, que primam pela correção postural e pelo controle respiratório, oferecendo uma prática segura para o bem estar do praticante. O pilates possui métodos específicos para cada área afetada pela tendinite.

A prática dos exercícios de pilates oferecerá ao paciente os seguintes benefícios:

  • reabilitação da saúde das articulações;
  • estabilização estática e dinâmica da articulação escápulo torácica;
  • mobilização da articulação do ombro;
  • alongamento muscular de todo o corpo;
  • fortalecimento muscular, inclusive dos músculos centrais;
  • lubrificação das articulações;
  • redução da tensão corporal;
  • melhora das conexões cerebrais através do estímulo para todos os sistemas do corpo, obtida pela execução precisa dos movimentos;
  • restauração do alinhamento postural, principalmente dos ombros;
  • fortalecimento da articulação talocrural (tornozelos);
  • aumento da coordenação motora neuromuscular;
  • alívio das dores articulares e musculares, promovido pelo aumento da circulação e da eliminação de toxinas;
  • promoção do equilíbrio muscular;
  • aumento da flexibilidade dos músculos e das articulações;
  • potencialização dos resultados de treinos desportivos;
  • prevenção de lesões para atletas;
  • aumento das capacidades funcionais para atividades do cotidiano;
  • reequilíbrio dos músculos esqueléticos;
  • otimização da ergonomia, produzindo redução dos impactos nas articulações e nas bursas, amenizando o atrito e as inflamações.

O pilates é um importante aliado no tratamento da tendinite, tanto para atletas quanto para profissionais de escritórios. Atua principalmente na reabilitação do paciente, realizando exercícios que restauram os movimentos, previnem lesões e condicionam o corpo.

Quer saber mais? Estou à disposição para solucionar qualquer dúvida que você possa ter, e ficarei muito feliz em responder aos seus comentários sobre este assunto. Leia outros artigos e conheça mais do meu trabalho como osteopata em São Paulo e Belo Horizonte.