pós-treino

5 dicas para a recuperação pós-treino

A recuperação muscular é tão importante quanto o exercício físico em si. Ela é essencial para conseguir o resultado esperado na academia ou em qualquer outro esporte. Isso porque após o treino o seu corpo precisa de uma recuperação para que os músculos consigam fazer o trabalho deles. Ou seja, quando cansados, precisam de estímulos para que consigam alcançar os objetivos desejados.

Este artigo trará dicas de recuperação pós-treino, visando sempre, em 1º lugar, bem-estar e saúde. É importante acompanhar e colocar em prática essas dicas, para que os seus objetivos sejam alcançados de maneira certa e eficaz.

Dicas para o pós-treino

1 – -Hidratação

Durante o treino, perde-se muita água, e é preciso repor esse líquido que foi perdido. No entanto, tal líquido precisa ter sido ingerido ao longo do dia, também antes do treino. Depois do treino, é necessário repor o que foi perdido, para que o organismo continue em equilíbrio, levando os nutrientes essenciais para o bom funcionamento do corpo e da mente. Percebe como o antes, durante e depois são essenciais?

2 – Alongue-se

Há quem diga que o alongamento é suficiente antes ou depois. Mas não, o alongamento (flexibilidade) é importante tanto antes quanto depois, porque esse exercício ajuda a aliviar as tensões, relaxar os músculos e diminuir as dores que foram causadas por causa da atividade física.

Também melhora a circulação sanguínea, capaz de levar os nutrientes essenciais às células. Antes do exercício, o alongamento é bom para promover elasticidade e evitar lesões.

Fique de 15 a 30 segundos em cada posição. 

3- De olho na alimentação

Antes do treino, consuma um carboidrato bom ou uma gordura boa. Esses nutrientes lhe darão energia suficiente para realizar a atividade.

Depois do treino, a ingestão de proteína é essencial para a recuperação muscular, restaurando as fibras musculares.

O ideal é ingerir o carboidrato 30 ou 40 minutos antes do treino, já a proteína pode ser consumida até uma hora depois.

4 – Descanse

O descanso também faz parte desse projeto, mesmo porque, se você não tiver uma boa noite de sono, o seu corpo não consegue se recuperar, e os músculos não se regeneram.

Durma bem e faça um intervalo de 24h entre um treino e outro. Exemplo: se na segunda-feira você treinou perna, na terça você exercita braço e abdômen, na quarta volta para as pernas, e assim sucessivamente. É essencial dar esse intervalo para o músculo se restaurar.

Durma bem, no mínimo 8 horas, pois é durante o sono que os hormônios trabalham e conseguem regenerar os músculos.

5 – Massagem

As massagens são importantes para o relaxamento muscular e para soltar aqueles “nós” que o corpo desenvolve durante o treino muscular. Algumas técnicas caseiras de massagem podem ajudá-lo a se recuperar da fadiga muscular e a deixar seu corpo leve e sadio para a próxima musculação ou treino aeróbico.

Quer saber mais? Estamos à disposição para solucionar qualquer dúvida que você possa ter e ficaremos muito felizes em responder os seus comentários sobre esse assunto. Leia outros artigos e conheça mais sobre a Osteopatia SP.

Comentários
Osteopatia SP

Posted by Osteopatia SP